InícioGeralGramado e CanelaNatal Luz teve custo de R$ 30 milhões

Natal Luz teve custo de R$ 30 milhões

Tempo de leitura: < 1 minuto

GRAMADO – Faltam 17 dias para o fim do maior evento natalino do Brasil. O 36º Natal Luz, que começou no dia 28 de outubro e segue até dia 30, iluminou, encantou e atraiu todas às atenções nos últimos meses e continuará no Jardim das Hortênsias, porque, em fevereiro, terá o lançamento de dois eventos: o 1º Vindima Gramado e o 8º Gramado In Concert. Em março é a vez da Páscoa em Gramado e, em abril, a Festa da Colônia.

A secretária de Turismo e presidente da GramadoTur, Rosa Helena Volk, concedeu entrevista para a rádio Integração Digital, na quarta-feira (12), e falou sobre custos e realização do Natal Luz, além de divulgar detalhes sobre os próximos eventos da cidade.

“Foi um ano muito difícil e desafiador para todos nós. Nós tivemos um número muito grande de patrocinadores no Natal Luz, elas não tinham onde colocar, não teve um evento do porte do Natal Luz no Brasil. Nós tivemos autorização para realizar o evento em agosto, que, para nós,  foi muito tarde por conta de todos os preocessos licitatórios. Além disto, 10 dias antes de começar o evento, no dia 18 de outubro, mudaram as regras (protocolos Covid-19), e no dia 20 de novembro, novamente. Foi muito complexo, não devemos repetir a questão de ter dois espetáculos no mesmo dia, ou ao mesmo tempo. Estamos avaliando que os espetáculos devem ser às 20h e, não, às 21h. Tem vários ajustes, mas isso é o normal em um evento do tamanho do Natal Luz, principalmente em um ano como este”, pontuou.

Rosa Helena também estima que cerca de 200 mil ingressos, no total, sejam vendidos até o final do evento, o que resultaria em, aproximadamente, R$ 20 milhões, somente com as vendas dos bilhetes. Ela também salientou que o Natal Luz custou R$ 30 milhões. Em um primeiro momento o evento seria realizado até a última semana de dezembro, até ser estendido até o final de janeiro.

Vindima Gramado

De acordo com Rosa Helena, a ideia de criar o evento surgiu em decorrência a criação da Rota do Vinho, implantada no ano passado pela Secretaria de Turismo. O Vindima Gramado apresentará sua primeira edição de 10 de fevereiro a 6 de março. 

“É uma rota para mostrar para os turistas, comunidade e trade turístico, pois muitos não devem saber que Gramado tem sete vinícolas. Foi muito importante a criação, está compilado em algo físico, tem um roteiro, realmente. Pensamos: já que fevereiro é a época da colheita da uva, porque não fazer um evento bacana que registrasse a época de Vindima para o lançamento da rota? As sete cantinas terão uma programação especial, que já está pronta. Essa programação é dentro das vinícolas, é muito interessante, o trade turístico [hotéis e agências] já podem fazer pacotes e enviar aos clientes para atrair turistas “, projetou Rosa. O Vindima também terá um roteiro gastronômico paralelo ao roteiro das vinícolas.

No período, a Praça das Etnias também terá a Vila do Vinho, com uma adega, três lugares para alimentação, que já estão com o credenciamento aberto, e também, a venda de vinhos, espumantes e sucos, das setes vinícolas integradas no evento.  A vila ficará aberta ao público das 10h às 22h, diariamente. O local também receberá um espaço para apresentações musicais. Rosa Helena também revelou que a Secretaria de Turismo está trabalhando na criação de uma rota turística na Várzea Grande e Serra Grande, além de um roteiro de agroturismo na Serra Grande.

Gramado In Concert

O evento que esbanja musicalidade começará no dia 12 de fevereiro e encerrará no dia 19, com farta programação durante sete dias.”Um evento vai potencializar o outro, teremos apresentações musicais do Gramado in Concert, na Vila do Vinho, e o evento de abertura será no Expogramado, dia 12, e o de encerramento, dia 19, e após o encerramento do Grande Concerto, a Vila do Vinho irá receber a apresentação da Big Betty, vai ser uma festa de encerramendo do Gramado In Concert”, contou a secretária.

Páscoa em Gramado

A Páscoa em Gramado se inicia no dia 25 de março, com programação farta e inciada por um desfile no dia do início do evento, às 20h. O evento termina no dia 16 de abril. A Rua Coberta receberá oficinas e brincadeiras dinâmicas criadas especialmente para as crianças. Outra atração será a Vila de Páscoa, com artesanato e praça de alimentação. A Festa da Colônia começará 12 dias após o encerramento da Páscoa, no dia 28 de abril.

Texto: Leonardo Santos/JIH – [email protected]

Abaixo a entrevista completa. Para acompanhar pelo celular, clicar em OUVIR NO NAVEGADOR.

Conteúdo relacionado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido