InícioCoronavírusAumenta o número de vítimas fatais na região

Aumenta o número de vítimas fatais na região

Tempo de leitura: < 1 minuto

Garibaldi iniciou mobilização para a realização de testes rápidos (Foto Ana Biondo, Divulgação)

Bento Gonçalves é a cidade na região da Serra com o maior número de mortes. São três casos, sendo o mais recente o de um paciente de 64 anos, que faleceu no domingo, 3. Na segunda, 4, a Secretaria da Saúde notificou mais 29 casos, elevando para 145 o número de positivos para a doença. A cidade registra sete pacientes internados em unidades de tratamento intensivo, 95 estão em isolamento domiciliar e 17 em hospitais. Do total, 22 estão curados.

A vítima da Covid-19, em Farroupilha, é um paciente de 86 anos, que morreu na madrugada da segunda, 4. Ele estava internado no Hospital São Carlos para tratamento de câncer. A cidade registra 52 casos positivos, sendo 33 mulheres e 19 homens. Há 80 casos descartados para a doença e nove curados.

A segunda morte, em Garibaldi, foi confirmada no domingo à tarde. O paciente de 62 anos estava internado desde 19 de abril em unidade de tratamento intensivo, em Canoas, e não tinha comorbidades prévias. De acordo com o mais recente boletim epidemiológico, a cidade tem 28 casos positivos, dos quais sete estão curados, sete em isolamento hospitalar e três em unidades de tratamento intensivo. Outras 90 pessoas encontram-se em isolamento domiciliar.

Na segunda, 4, a Prefeitura de Garibaldi adquiriu 500 exames RT-PCR, mesmo tipo utilizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Estado. Ainda está prevista a compra de mais 3 mil unidades. "Com a coleta da secreção nasal, este teste mostra se o vírus está circulando pelo corpo", explica a secretária da Saúde, Simone Agostini de Moraes.

Para agilizar os diagnósticos, o material coletado será enviado à Universidade Feevale, que deve fornecer o resultado entre 24 e 48 horas. A Feevale é credenciada ao Governo do Estado e os resultados são direcionados ao boletim da Secretaria Estadual da Saúde. A coleta de material de pacientes com sintomas já iniciou no auditório do Pronto Atendimento Médico.

A paciente de Flores da Cunha, de 52 anos, que havia coletado material em hospital particular de Caxias do Sul, testou negativo para a Covid-19. No momento, a cidade não tem nenhum caso confirmado, nem suspeito. Dos 12 suspeitos, 11 foram descartados e o caso confirmado já se curou. Há somente 12 pessoas em isolamento domiciliar nos últimos 14 dias, prazo de manifestação da doença.

Conteúdo relacionado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido