Você atingiu a métrica limite de leitura de artigos

Identifique-se para ganhar mais 1 artigos por mês!

Já sou assinante!

InícioExclusivo AssinantesGramado e Canela continuam campanha de vacinação e começam a imunizar profissionais...

Gramado e Canela continuam campanha de vacinação e começam a imunizar profissionais de segurança

Tempo de leitura: < 1 minuto

GRAMADO – O secretário adjunto da Saúde, Volnei Desiam, informou que os postos de saúde estão vacinando nesta segunda-feira (5) idosos com 65 anos ou mais. A informação foi dada em entrevista ao Programa Manhã com Informação da Rádio Integração Digital. Segundo ele, há ainda 100 doses disponíveis a essa faixa etária.

A vacinação ocorre pela manhã, de 8h às 11h. Se sobrar, à tarde, das 13h às 16h. A aplicação ocorre na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Floresta e na Estratégia Saúde da Família da Vila Olímpica, na Várzea Grande. Para receber a vacina é preciso portar um documento de identificação, Cartão do Sistema Único (SUS) ou comprovante de residência de Gramado.

Volnei Desiam contou o motivo de a imunização ter comtemplado idosos com 63 anos no fim de semana. “Separamos 500 doses para o drive-thru realizado no sábado [3]. Em 40 minutos, foram aplicadas em todas as pessoas com 65 anos ou mais que estavam na fila. Em torno de 210 doses. A secretaria ampliou a imunização, no mesmo dia, a pessoas com 64 anos ou mais e, em seguida, a idosos com 63 anos ou mais. Até o final do drive-thru, foram vacinadas 460 pessoas […] Não é justo guardar vacinas. Quando a vacina vem, a gente quer vacinar as pessoas”, revelou.

A cidade começa a vacinar nesta segunda-feira profissionais de segurança no Centro Municipal de Saúde (R. Ernesto Volk, 300). “Há um critério a ser seguido. Tem que fazer um cadastro. O profissional precisa apresentar um documento assinado pelo comandante da área que atua” explicou Volnei.

CANELA – Canela segue a vacinação nesta segunda-feira (5), para pacientes de 64 anos ou mais. A secretária da Saúde, Patrícia Valle, concedeu entrevista à Rádio Integração Digital. Entre os assuntos, Patrícia destacou a diminuição nos números de atendimento na tenda Covid e na Unidade Central, além de revelar o início da imunização para a segurança pública.

A secretária também informou que um dos locais de vacinação foi alterado. As doses que eram aplicadas na Unidade Central, passam a ser feitas no Centro de Feiras, à partir desta segunda (5). Conforme ela, há cerca de 200 doses disponíveis no Centro de Feiras para serem efetuadas no decorrer desta segunda (5).

De acordo com Patrícia, a mudança de local é por conta de a Unidade Central não ter como abrigar as pessoas em dias de chuva. “Era questão das pessoas terem que ficar esperando na fila, na chuva, no tempo. Era uma coisa que incomodava a nossa equipe. Então, ajeitamos o Centro de Feiras, fizemos uma higienização, colocamos os computadores lá, tudo isso para acolhermos melhor as pessoas e para que elas possam ficar abrigadas do frio e da chuva, enquanto esperam a vacinação”, destacou ela.

A UBS Canelinha segue efetuando a imunização normalmente, para facilitar que as pessoas que moram mais longe tenham melhor acesso às vacinas. Nas unidades a vacinação acontece das 8h às 16h30, sem paralisação ao meio-dia. No momento da vacinação é obrigatório apresentar um documento com foto, CPF e comprovante de residência.

A secretária, por conta da frequente mobilização de idosos logo nas primeiras horas da manhã nos pontos de vacinação, pediu para as pessoas terem calma e para que busquem o atendimento também a tarde para conter as aglomerações. “Os idosos, principalmente, chegam muito cedo. Tinham pessoas esperando desde as 5h da manhã. Vemos que há uma cultura de se chegar cedo para que se possa conseguir o atendimento e não precisa. A gente vem contemplando a todos. As pessoas não precisam se apavorar, podem ir durante o dia que irão ser vacinados. Se não receberem a imunização naquele dia, no próximo irá receber a vacina. Estamos conseguindo organizar isto”, informou Patrícia.

ATENDIMENTOS – “O número de atendimentos diminuiu significativamente na tenda Covid e na Unidade Central. O vírus deu uma diminuída, parou um pouco de circular. No Hospital de Caridade de Canela (HCC), percebemos que ainda há casos bem sérios. Vemos que pacientes que buscam atendimento no HCC, vem saturados e comprometidos, com problemas respiratórios. A gravidade ainda existe. O que diminui foi o número de casos”, ponderou a secretária.

VACINAÇÃO DA SEGURANÇA PÚBLICA – Patrícia revelou na entrevista que, entre esta segunda (5) e terça (6), começarão a ser vacinadas as forças de segurança do município, a exceção do Corpo de Bombeiros que já haviam recebido a imunização.

As entrevistas completas podem ser ouvidas aqui, no site, na aba Podcasts ou na página do Jornal Integração no Facebook.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido