Início Colunistas Começa 2020

Começa 2020

Tempo de leitura: < 1 minuto

Passado o carnaval, acaba a recessão típica de verão aqui na Serra. Janeiro e fevereiro são de férias locais, tempo em que aproveitamos para ajeitar a casa, reformar, dar férias, e descansar se sobrar um tempinho. Mas agora isso é passado. Começou 2020. Ano de eleições municipais, de corona vírus, de Olimpíada, de muito trabalho.

Edição de terças-feiras

Por isso tudo, a edição de terças do seu JI volta já no dia 03/03, 03 dias antes do Jornal completar 17 anos.  Tivemos janeiro e fevereiro bem bons, com bastante trabalho, superando em muito anos anteriores. Chegamos a fazer uma edição com mais de 60 páginas no final de janeiro. Também a edição de sexta passada teve mais de 50 páginas de conteúdo, com bom aproveitamento comercial. Sinaliza que teremos um ano excepcional. Ano eleitoral sempre tem maior audiência para os meios de comunicação e esse já iniciou muito quente. Mais do que o deveria até, tanto em Gramado quanto em Canela.

Empreendedorismo

Visitei esta semana o amigo Dalvir, da Benvenuto Turismo. Cara bem informa e relacionado. Grande camarada, parceiro, amigo e também muito eficiente no que faz. Nasceu, cresceu e vive do turismo, acompanhando as mudanças do comportamento dos visitantes e da região. Quero aproveitar e enviar um forte abraço aos seus pais, assinantes do JI, seu Nereu Ribeiro da Silva e a dona Regina Corrêa da Silva. Muito obrigado a eles. E, Dalvir, você ensina eles a nos acompanharem também nas redes sociais, principalmente pela rádio do Jornal Integração. Ele vai gostar de ouvir sempre das sete às oito. Vai em www.leiafacil.com, menu e já encontrou. B

 

Ninguém para apaziguar

Parece que está faltando alguém para apaziguar o secretário da Saúde Canela Vimar Santos e o vereador do PSDB, Jerônimo Terra Rolim. Já faz tempo que se alfinetam e o que ocorreu quarta à noite na Câmara era só questão de tempo. Menos mal que ambos são pessoas do bem e por isso fica nos termos semelhantes a briga de gato, nos aranhões e empurrões. É aquela coisa, o vereador deveria diminuir o tom das críticas, desabafos e evitar totalmente as ofensas diretas quando na presença do secretário e este, por sua vez, sabendo que será atacado, eis que ambos não se topam, poderia evitar de frequentar os mesmos espaços ao mesmo tempo. 

Pacificação

Não servindo mais para a função, todos os demais deveriam ter, há dias, percebido que é preciso enviar outro agente para acompanhar as sessões. Já teve delegacia, processos, ofensas mútuas, logo, o momento é de cautela, de distanciamento entre os dois e não o contrário, onde um vai o outro vai atrás.

Em relação aos dois quero crer que o ocorrido na sessão de quarta tenha servido para ambos perceberem que estão sendo bobos. Saíram totalmente dos padrões de autoridades, representantes e inspiradores do povo. Não servem mais para isso, pelo menos por enquanto. O município anda bem, vive um momento ímpar e fatos como o ocorrido quarta na câmara podem por tudo a perder.

Eleições 2020

Vejam bem que estamos em ano eleitoral. Eu cheguei a imaginar que Canela pudesse até desenhar uma candidatura única para outubro. Pois o Progressistas provavelmente não terá candidato a prefeito. O candidato da eleição passada e presidente do partido, ErniSchaefer, me deixou entender isso nestes dias quando conversamos. O PDT, se conseguir a vaga de vice de Constantido (MDB), aceita e abre mão de candidatura própria. E, para celar tudo, se o atual vice-prefeito, Gilberto Cesar (PSDB), obtiver o apoio para sua candidatura a deputado estadual na eleição de 2022, fecha o acordo. Ficou por poucos votos na eleição passada e em uma ampla frente de apoio, a região poderia emplacar uma cadeira da Assembleia. Agora, claro que Jerônimo e Vilmar são poucos, e trata-se de um caso pessoal, pontual, mas acaba contaminando. Vilmar é o Primeiro Ministro da prefeitura e Rolim é o único vereador tucano.

 

Profissionalização

NA sessão de quarta-feira o vereador do PDT Ismael Vieze, se referiu ao assunto trazido à tribuna na reunião anterior dos vereadores sobre cobrança de ingressos nos eventos do município, especialmente referentes ao Natal. Para ele, antes disse é preciso pensar um local para isso, pois na sua visão o a Catedral de Pedras não serve para isso. Lembrou que já fez eventos ali e tem esse conhecimento.  Seria necessário a criação de uma autarquia municipal para a gestão, a profissionalização e a definição de um local, que poderia ser no Teatro, na Casa de Pedra, no Centro de Feiras ou mesmo no Parque do Palácio. Ele mencionou o Parque do Caracol, que fomenta todos as iniciativas turísticas de Canela atualmente, vista como a galinha dos ovos de ouro pelos canelenses, mas que foi lá ver e encontrou o ‘ninho’ bastante desajeitado “de novo e de novo”.  Acho que o vereador matou a charada, mas é preciso correr com isso, pois se a galinha, que está passando mal, por algum motivo para de botar, a coisa vai ficar feia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido