Você atingiu a métrica limite de leitura de artigos

Identifique-se para ganhar mais 1 artigos por mês!

Já sou assinante!

Balanço entre contratações e demissões fecha 2020 com saldo negativo - Leia Fácil
Início Exclusivo Assinantes Balanço entre contratações e demissões fecha 2020 com saldo negativo

Balanço entre contratações e demissões fecha 2020 com saldo negativo

Tempo de leitura: < 1 minuto

REGIÃO – Apesar do avanço nos empregos formais em novembro, Canela e Gramado fecharam 2020 com saldo negativo entre contratações e demissões. Nas quatro cidades da região foram registradas 17.079 contratações e 18.367 demissões ao longo dos 12 meses do ano, o que representa um saldo negativo de -1.288.

O pior resultado ocorreu em Gramado, onde está a maior concentração de empregos com carteira assinada da região e onde a crise econômica causada pela pandemia da Covid-19 mais prejudicou. No montante do ano, foram 8.470 admissões e 9.745 desligamentos, fechando o ano com 1.275 empregos formais que ainda não foram reabertos. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério da Economia e foram divulgados sexta-feira passada.

Em dezembro, Canela registrou 482 admissões e 390 demissões (+92). O setor de Serviços teve o melhor resultado, com saldo de +67. Já o de Construção registrou o pior saldo: -16. O setor de Agropecuária não registrou demissão no mês (saldo de +10). O Comércio teve 131 admissões (saldo de +39). Porém, a Indústria registrou 34 desligamentos e fechou o mês com saldo de -8. 

No balanço anual, o setor de Serviços teve o pior resultado (saldo de -207). Por outro lado, o da Construção registrou 432 admissões e ficou com saldo positivo de +103, o melhor saldo entre os demais setores. Comércio ficou com saldo de -17, Indústria com -30 e Agropecuária com +9. Em resumo, Canela terminou 2020 com 8.369 trabalhadores formais ativos (com carteira assinada).

Gramado também teve saldo positivo no último mês do ano (+138), com 881 contratações e 743 desligamentos. O setor de Serviços teve o melhor resultado, com saldo de +106. Os demais setores também tiveram saldos positivos: Comércio (+3), Agropecuária (+4), Indústria (+6) e Construção (+19).

No levantamento do ano, o setor de Serviços de Gramado também registrou o pior resultado (saldo de -1.160). Já o de Construção teve avanço de +110, com 665 contratações. O de Agropecuária encerrou 2020 com saldo de +8. Mas os setores de Comércio (-155) e Indústria (-78) registraram 2.271 e 1.091 demissões, respectivamente. A cidade finalizou o ano com 16.572 trabalhadores formais ativos.

NOVA PETRÓPOLIS – O Jardim da Serra Gaúcha registrou 203 admissões e 197 demissões em dezembro (saldo de +6). No entanto, o saldo entre contratações e demissões apresentou déficit de -200 no ano. O setor mais prejudicado foi o de Indústria (-88), com 974 desligamentos. Em seguida, Comércio (-59), Serviços (-51) e Agropecuária (-21) registraram juntos 1.292 demissões. Por outro lado, o setor de Construção teve 150 contratações e 131 desligamentos, obtendo saldo de +19 em 2020. Na cidade, 6.139 trabalhadores encerraram o ano com carteira assinada.


SÃO FRANCISCO DE PAULA – A cidade teve 191 admissões e 129 desligamentos em dezembro (saldo de +62). Entre as quatro cidades da Região das Hortênsias, São Chico foi a única que registrou balanço anual positivo. Isso porque é a que menos depende do turismo. Foram 2.162 contratações e 1.833 demissões (saldo de +329) no ano. O melhor resultado pode ser observado no setor de Indústria (+262), com 935 admissões, seguido de Comércio (+89) e Construção (+26). Já os de Serviços (-39) e Agropecuária (-9) fecharam o ano negativo, com 705 desligamentos. A cidade terminou 2020 com 4.137 trabalhadores formais ativos.

Texto: Gabrielly Pimentel – redacaogramado@integracao.jor.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido