Início Polícia Gramado e Canela Brigada intensifica operação contra organizações criminosas em Canela

Brigada intensifica operação contra organizações criminosas em Canela

Tempo de leitura: < 1 minuto

CANELA – No final da tarde e seguindo toda a noite de ontem (19), a Brigada Militar realizou uma operação em continuação à repressão ao tráfico de drogas e apreensão de armas no município contra organizações criminosas, em resposta aos homicídios que aconteceram nas últimas semanas.

Desde janeiro deste ano, ocorreram 34 prisões por tráfico de drogas. Em todo o ano de 2020, foram 75. Foram apreendidos 17,3kg de maconha (quase 3 vezes mais que todo ano de 2020), 609 gramas de cocaína, 415 gramas de crack (3 vezes mais que todo o ano de 2020), 328 comprimidos de ecstasy e 169 pontos de LSD. Ainda houve nove prisões por porte ilegal de arma de fogo e 15 armas retiradas das ruas, sendo que todo o ano de 2020 foram 27 prisões e 24 armas.

Foto: Brigada Militar/Divulgação

Importante destacar que, nas questões dos homicídios, em janeiro o menor apreendido depois de balear três homens (dois faleceram e um sobreviveu) no Bairro Eugênio Ferreira, já havia sido detido pela Brigada Militar dias antes do crime, com drogas e arma, porém foi liberado na sequência.

Em outro caso, após duas tentativas de homicídio (sexta e sábado, no Bairro Tiririca, em um bar e em uma barbearia respectivamente) e um roubo de veículo, as guarnições da BM prenderam em Três Coroas uma dupla (um deles com dois antecedentes por homicídios), recuperando o carro roubado e apreendendo a arma. Na sequência, apreendeu um menor com participação nas tentativas de homicídios. Os três se encontram em liberdade.

Operação

Planejada durante a semana, a ação contou com o efetivo da Força Tática (FT) do 1º BPAT, do Batalhão de Choque e do Batalhão de Aviação da BM, de Caxias do Sul, e o setor de inteligência da BM.

Foto: Brigada Militar/Divulgação

A apresentação do efetivo, no início dos trabalhos, contou com a presença do novo comandante do Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO Serra), com sede em Caxias do Sul, Coronel Alexandre Brite da Silva, e do Major Márcio Borba Fernandes, respondendo pelo comando do 1º BPAT.

A operação comandada pelo Capitão Ubirajara da Rocha Dill se concentrou nos principais pontos de tráfico e onde aconteceram as investidas das organizações criminosas, por disputa de comercialização de entorpecentes, como onde ocorreram os homicídios e as tentativas das últimas semanas.

Foto: Brigada Militar/Divulgação

Foram realizadas abordagens em 12 bares, barreiras policiais e saturação nos bairros, sendo abordadas 156 pessoas e 73 veículos. Ainda seis pontos de tráfico fiscalizados, um preso por apropriação indébita de um celular, além de um preso por porte ilegal de arma de fogo.

Prisão por porte ilegal de arma de fogo

Por volta das 19 horas, no Bairro Santa Marta, um homem que empunhava um revólver ao perceber a presença dos Policiais Militares dispensou a arma e saiu correndo para um matagal. Após ser alcançado, o indivíduo ainda tentou reagir contra a guarnição. Foi verificado que o revólver, calibre 32, municiado com cinco cartuchos intactos, estava com a numeração raspada.

O autor de 25 anos, com antecedentes por posses de entorpecentes e furtos e vários roubos, foi preso em flagrante e encaminhado ao sistema prisional.

Foto: Brigada Militar/Divulgação

Capitão Dill destaca atuação e importância da operação: “Desde o início do ano de 2021, estamos atuando diuturnamente buscando frear o tráfico de drogas e a posse ilegal de armas de fogo, o que propicia as ocorrências de vulto, como o homicídio. Os números demonstram o empenho e comprometimento do efetivo local e outros, como a Inteligência e a FT do 1º BPAT. O crime não deve prosperar, para isso existimos e não descansaremos enquanto tiver um criminoso que tente mudar a sensação de segurança que nossa comunidade almeja e espera. Nessa noite atuamos em conjunto com os demais seguimentos da BM (Choque – Força Tática – Setor de Inteligência – Batalhão Aéreo), o que demonstra que o Comando da Brigada Militar está sensível as nossas necessidades, enfatizando que operações desse porte irão continuar nos próximos dias, até ser dado a resposta necessária a comunidade Canelense”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido