Início Notícias Saúde Caxias terá drive-thru para vacinação contra gripe

Caxias terá drive-thru para vacinação contra gripe

Tempo de leitura: < 1 minuto

No primeiro dia de campanha, mais de 13,3 mil pessoas receberam a vacina (Foto Andréia Copini, Divulgação)

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) programou a realização de um drive-thru para imunizar os idosos contra a gripe influenza. A ação será na Praça Dante Alighieri, em frente à Catedral, das 9h às 16h, na quinta, 26, e das 9h às 17h, no sábado, 28. Não será necessário o idoso descer do veículo para receber a dose. A ação visa manter as pessoas com mais de 60 anos o menor tempo possível na rua.

Esta é a 22ª edição da campanha de vacinação, que neste ano foi antecipada devido à pandemia do novo coronavírus, mesmo essa vacina não prevenindo contra a doença. No primeiro dia de campanha, na segunda, 23, foram aplicadas mais de 13,3 mil vacinas em Caxias do Sul. Algumas unidades básicas de saúde ficaram desabastecidas, mas o governo do Estado garantiu reposição para a quarta, 25.

A campanha se estende até 22 de maio. A imunização contra o vírus que causa a gripe (Influenza A-H1N1, Influenza A-H3N2 e Influenza B) será feita em três etapas. Pessoas com mais de 60 anos e trabalhadores da saúde são os primeiros grupos a serem vacinados. O segundo grupo, a partir de 16 de abril, é formado por professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Já na terceira fase, que começa em 9 de maio, mesma data do Dia D de mobilização, estão crianças de seis meses até 5 anos e 11 meses, gestantes, puérperas, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

No Rio Grande do Sul a estimativa é de que o público-alvo seja de aproximadamente 4,4 milhões de gaúchos. A meta do Centro Estadual de Vigilância em Saúde é vacinar 90% dos grupos prioritários. No Brasil, o total da população-alvo é de 67,6 milhões de pessoas.

O governo gaúcho distribuiu, na primeira etapa, 450 mil vacinas dentre as 19 Coordenadorias Regionais de Saúde, as quais repassaram aos municípios. Outras 450 mil devem ser enviadas a partir de quarta, 25.

Criatividade também pela região

Em Nova Pádua, idosos são vacinados no interior dos seus carros (Foto Prefeitura de Nova Pádua, Divulgação)

Em GARIBALDI, a Prefeitura tem esquema para atender pessoas com mais de 70 anos nos seus domicílios. A orientação é para que residências com esse perfil de morador sinalize o local com tecido branco, colocando-o na porta ou na janela no dia marcado para seu bairro. A vacinação é feita do lado de fora da residência, com todos os cuidados necessários. Os condomínios deverão destinar um local no prédio para vacinação, preferencialmente no saguão ou no salão de festa, dependendo do número de moradores nesta faixa etária. A meta é vacinar 13 mil pessoas, 36% da população do município.

Em NOVA PÁDUA, as pessoas são orientadas a seguir de carro até o posto de saúde. No espaço antes ocupado pela ambulância haverá estrutura para a vacinação, sem necessidade de sair dos veículos. Na segunda, 23, foram aplicadas 150 doses. O segundo lote é esperado para quarta, 25.

O pit stop de vacinação contra gripes comuns, organizado pela Prefeitura de FARROUPILHA, facilitou a vacinação de 3 mil pessoas. Novas doses serão aplicadas na quinta nas regiões do Burati e Vila Esperança. No dia seguinte, 27, as unidades básicas de saúde dos bairros Cruzeiro e Belvedere disponibilizam a vacina.

Em menos de três horas de imunização contra a gripe, com exclusividade para pessoas acima de 60 anos, foram esgotadas as 1,3 mil doses destinadas para FLORES DA CUNHA. A orientação é para que os idosos aguardem em casa até a chegada das novas doses. A previsão é aplicar em torno de 3,5 mil idosos na cidade.

 

Imunização de 96% contra o sarampo

Na primeira fase da campanha contra o sarampo, encerrada em 13 de março, a Secretaria da Saúde de Caxias do Sul atingiu índice de cobertura vacinal de 95,97%, ficando acima dos 95% preconizados pelo governo federal. Foram aplicadas 787 doses da vacina tríplice viral, que contempla sarampo, rubéola e caxumba, em crianças e adolescentes dos cinco aos 19 anos.

Cerca de 18,7 mil pessoas procuraram as unidades básicas de saúde durante a campanha para se imunizar contra o sarampo, porém, estavam com o calendário de vacinas em dia. Dentre essas, 15.268 atualizaram outras vacinas que não haviam sido feitas. Entre as mais aplicadas foram a vacina da febre amarela, 7.086; HPV, 2.853; e meningocócica C, 2.089.

O município não registra casos de sarampo desde 1999. A próxima etapa da campanha de vacinação contra a doença será de 3 a 31 de agosto, contemplando pessoas de 30 a 59 anos, com Dia D agendado para 22 de agosto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido