Você atingiu a métrica limite de leitura de artigos

Identifique-se para ganhar mais 1 artigos por mês!

Já sou assinante!

InícioExclusivo AssinantesEdital para concessão das estradas da região deve sair em setembro

Edital para concessão das estradas da região deve sair em setembro

Tempo de leitura: < 1 minuto

REGIÃO – R$ 4,7 bilhões serão investidos em 13 trechos de 9 estradas, incluindo as três principais vias estaduais de acesso às cidades da Região das Hortênsias (115, 235 e 020). Os investimentos ocorrerão a partir do momento que a iniciativa privada assumir a concessão destas rodovias. Se os prazos forem cumpridos o edital deve estar pronto em setembro e o leilão ocorrerá em dezembro deste ano. Os contratos de concessão serão de 30 anos. Estas informações foram trazidas pelo secretário extraordinário de parcerias do RS, Leonardo Busatto, durante reunião com os prefeitos da região na manhã desta quarta-feira (7).

A promessa do Governo do Estado é garantir segurança viária, conforto e fluidez dignos de países de primeiro mundo. Além da manutenção, infraestruturas de acessos, serviço de guincho e resgate com ambulância, os contratos também devem exigir a duplicação de grande parte das rodovias. “Manutenção e sinalização devem ocorrer já a partir do início do contrato, as obras mais robustas devem iniciar já a partir do segundo ano de contrato”, promete Busatto.

O secretário também antecipou que a localização de algumas praças de pedágios sofrerão mudança de localização. “Em todas as vias concedidas haverá alguma mudança, em alguns locais serão incluídas novas praças, algumas serão trocadas, outras mantidas. Isso ainda estão sendo estudado”, observou. Dentro do cronograma de concessão também está prevista a realização de audiências públicas entre os meses de junho e julho.

DEMANDAS DA REGIÃO – O prefeito Constantino Orsolin, como presidente da Associação dos Municípios de Turismo da Serra (Amserra), elencou as principais demandas que o Estado deve incluir nos contratos para as concessionárias desenvolverem. Uma delas é a duplicação da ERS-235 entre Nova Petrópolis e Gramado, a outra é a conclusão da duplicação do bairro Canelinha até o Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio. A duplicação da ERS-115 entre Taquara e Gramado também está na pauta, bem como a pavimentação asfáltica entre Santa Maria do Herval e a Serra Grande.

Orsolin também destacou a necessidade de mais investimento em sinalização, tanto de trânsito quanto turística, e reforçou que a ERS-110, que liga São Francisco de Paulo a Bom Jesus também seja incluída nos planos de investimentos. Esta rodovia tem 102 quilômetros de extensão, sendo que cerca de 26 km não são pavimentados. Este trecho de chão batido, conhecido como Estrada do Meio, liga a região urbana de São Chico com a localidade de Várzea do Cedro (Da ERS-020 até a Rota do Sol).

Rodovias que integram o Bloco 1

O Governo do Estado quer conceder à iniciativa privada um total de 1.151 km de rodovias estaduais, alcançando um total de R$ 12,3 bilhões de investimentos ao longo de 30 anos de contratos. Todas as estradas foram divididas em três blocos. A Região das Hortênsias integra o Bloco 1. Neste bloco são 13 trechos em 9 rodovias com um total de 460 km de rodovias que receberão investimentos na ordem de R$ 4,7 bilhões.

Onde são as rodovias*

ERS-115: Taquara – Gramado

ERS-235: Nova Petrópolis – São Francisco de Paula

ERS-466: Canela – Caracol

ERS-020: Gravataí – São José dos Ausentes

ERS-239: Portão – Maquiné

ERS-474: Rolante – Santo Antônio da Patrulha

ERS-118: Sapucaia do Sul – Viamão

ERS-040: Viamão – Pinhal

ERS-784: Cidreira – ERS-040 em Pinhal

*As propostas de concessões não abrangem toda a extensão de todas essas rodovias. Algumas sim, mas boa parte delas serão contempladas apenas em alguns trechos. Veja no quadro quais são os trechos:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido