Roubos têm redução de 67%

Polícia

04 de agosto de 2017 às 13:00 hr
Texto
-a
+a

O balanço do primeiro semestre de 2017, divulgado pela Secretaria de Segurança Pública do Estado, indicou declínio de 67,4% nos casos de furtos e roubos. O número total foi de 1899 ocorrências contra 5876 no mesmo período do ano passado. O dado inclui todos os tipos de furtos e roubos. Dentre os 12 crimes analisados, seis registraram alta, como abigeato, extorsão mediante sequestro, delitos com armas de fogo apreendidas e posse e tráfico de entorpecentes.
Para o delegado regional de Caxias do Sul, Paulo Roberto Rosa, o número é resultado de um trabalho intenso dos investigadores na busca de identificar os autores dos crimes e de identificar as vítimas, a fim de reforçar os indiciamentos e garantir maior período de prisão aos indiciados. “Houve um trabalho muito grande nessa modalidade de crime, principalmente na área central da cidade, sob os cuidados da 1ª Delegacia de Polícia. Muitos criminosos foram presos e identificados por testemunhas e câmeras de segurança”, complementa.
Segundo o delegado, com a constante incidência de latrocínios (roubos seguido de morte) na cidade, a Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec) reforçou o combate aos roubos com lesões. Também conseguiu identificar todos os autores de latrocínios.

ÍNDICES CRIMINAIS NO PRIMEIRO SEMESTRE


                                                                              2017                      2016

Homicídio doloso                                            38                           50
Latrocínios                                                         3                             5
Furtos                                                                 2394                      2859
Abigeato                                                            36                           - - -
Furto de veículo                                              897                        907
Roubos                                                           442                      2717
Roubos de veículo                                         457                        3159
Estelionato                                                        420                        454
Extorsão mediante sequestro                       1                            0
Delitos com armas apreendidas                116                        111
Posse de entorpecentes                             133                        126
Tráfico de entorpecentes                           106                        80




Identificada vítima esquartejada


A partir das tatuagens foi identificada a vítima de homicídio, que foi esquartejada e teve algumas partes depositadas em contêiner de lixo na Rua Sinimbu. A vítima foi apontada como Luciano Vargas da Silva, 45 anos, o Pig, natural de Santa Maria e residente no Bairro Mariland, em Caxias do Sul.
Os indícios são crime por motivação passional e os envolvimentos da atual companheira de Silva estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídios e Desaparecidos (DHD), que também analisa imagens de câmeras de segurança na tentativa de localizar o autor do crime, que depositou o corpo no contêiner. As demais partes do corpo da vítima não serão mais procuradas. Um exame de DNA deve confirmar a identidade da vítima e o nome feminino tatuado no braço foi apontado como sendo da filha da vítima. 

« Voltar