PDT define seus pré-candidatos em convenção

Política

05 de agosto de 2016 às 15:58 hr
Texto
-a
+a

Com o plenário da Câmara de Vereadores mais uma vez com sua lotação máxima, o PDT canelense realizou sua convenção na noite de quarta-feira (3). Em solenidade foram apresentadas as pré-candidaturas de José Vellinho Pinto e Gilberto Tegner “Tolão”, a prefeito e vice, respectivamente. Diferente da majoritária, escolhida por aclamação, a proporcional foi disputada até o fim e dos 34 pré-candidatos, somente 19 disputarão o pleito por uma vaga no Legislativo pelo PDT. Os outros três pré-candidatos vêm da coligação com PC do B, PT e PEN.

Prefeito por Canela em três gestões, Vellinho Pinto é outro ex-prefeito a formalizar sua pré-candidatura para as eleições municipais. Seu vice será Gilberto Tegner, que abriu mão de sua pré-candidatura a prefeito na noite anterior à convenção em um consenso entre as lideranças do partido. Do contrário, além da disputa pela proporcional, Vellinho e Tolão disputariam quem seria o pré-candidato a prefeito pelo PDT. A chapa pretende trabalhar sob a bandeira da retomada do desenvolvimento econômico no município, baseada no pensamento de união e em uma campanha limpa, sem agressões e sem ofensas aos demais partidos e candidatos.

“Não me lembro de uma convenção do PDT tão quente como a do dia de hoje e tenho certeza que com essa expressão estamos trilhando uma grande vitória”, disse Vellinho, empolgado. Sobre a proposta de desenvolvimento econômico, o pré-candidato utilizou dados para fundamentar seu pensamento. “Em 2000 a receita de Canela era 5% maior que a de Gramado por consequência de governos competentes. Depois começou a cair, veio outro e caiu mais ainda. Hoje somos 40% menor que a cidade vizinha, o menor índice de ICMS da região, consequência dos governos que nos sucederam”, ressaltou.

Vellinho Pinto também enfatizou os trabalhos realizados em suas gestões anteriores, focadas principalmente na saúde, educação e desenvolvimento. “O PDT teve a Prefeitura por três mandatos seguidos e eles vieram com a proposta de mudança. Como resultado, a sociedade se decepcionou, deu mais uma chance para aquele outro e acabou neste retrocesso cabal”, disse.

Sobre o companheiro Tolão, Vellinho teceu elogios e demonstrou gratidão. “Durante um ano fizemos um lindo trabalho e falávamos que o PDT tinha uma proposta para Canela. Ao longo do tempo o partido entendeu que deveríamos apresentar uma só proposta, e com grandeza o Tolão entendeu que a chapa deveria ser Vellinho Pinto e Gilberto Tegner. Assim tenho certeza que nossa proposta será vitoriosa”, completou.

Compondo a majoritária como pré-candidato a vice-prefeito, Gilberto Tegner lembrou-se das eleições passadas, quando saiu derrotado na busca pela Prefeitura. “Sabíamos que Deus reservava algo muito melhor para todos nós. Antes chorávamos de angústia, agora choramos de entusiasmo, alegria e amor por essa cidade”, disse, emocionado. O discurso empolgou o público no plenário, que de imediato começou a entoar o cântico de vitória. Tolão também falou do orgulho em estar concorrendo ao lado de Vellinho e prometeu trabalhar de cabeça erguida. “Para cada mentira uma escola, para cada fofoca um posto de saúde e principalmente para todos aqueles que estão na cidade, vamos apresentar uma verdade que é um futuro melhor para Canela”, ressaltou. “Sozinhos não ganhamos nada, mas se formos multiplicados faremos uma grande bancada na Câmara. Com respeito e responsabilidade o PDT voltará a ocupar a casa ao lado”, concluiu Tegner.

Presidente do PDT de Canela, Gino Bazzan frisou a grandeza e a união do partido. “O PDT, entre todos os partidos é o único que não está dividido, o que demonstra sua grandeza e inteligência. Nós não temos disputa de beleza e colocamos duas pessoas de quilate que podem fazer a casa do lado voltar a ter uma cara de Prefeitura”, disse. Sobre disputar o pleito na majoritária com chapa pura, o presidente enfatizou. “Porque partido grande é partido grande que vai sozinho, não traz ninguém de arrasto”, finalizou.

AUTORIDADES PRESTIGIAM CONVENÇÃO

Entre as autoridades que prestigiaram a convenção e declaram apoio à candidatura de Vellinho e Tolão pelo PDT, estiveram os deputados estaduais Ciro Simoni e Vinicius Ribeiro, além do Presidente da Federação das Associações de Municípios do Rio grande do Sul (FAMURS) e prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto. O pré-candidato da situação pelo PP, Erni Schäfer também marcou presença, mas, assim como as demais autoridades, logo deixou o plenário.

PRÉ-CANDIDATOS A VEREADOR

A nominata de vereadores do PDT é composta por uma chapa eleita pelo diretório da sigla, sendo que 15 pré-candidatos que colocaram seu nome a disposição, ficarão de fora do pleito. Confira os pré-candidatos à vereança: Aldacir José da Silva (Nego da Elétrica), Carla Reis (Carlinha), Carlos de Oliveira (Carlão), Guilherme Hanel Port, Ismael Viezze, João Hansan (Salame), João Marciano Gil, Jones Wulf (Jones do Jornal), José Fagundes, Luciangela de Brito, Luiz Fernando Meyer, Lunalva Pinto Pessoa, Marcio Cardoso, Maria Rosangela de Oliveira (Zanza), Nilson Rech, Sergio Vaccari, Eduardo Brocker, Maristela Secco (Fifi) e Ronaldo Pavão. Além dos pré-candidatos coligados, Clério Sander pelo PC do B, Cintia Lacerda Barbosa Chaves pelo PT e Ana Matte Boeira pelo PEN.

« Voltar