Livre Iniciativa

Comunidades

07 de novembro de 2018 às 12:40 hr
Texto
-a
+a

A primeira unidade Spaccio RAR – braço de franquia da RAR, empresa idealizada por Raul Anselmo Randon – começa a tomar forma. A loja, que inaugura nesta quinta (8) está montada e abastecida para receber os clientes. O espaço fica localizado no Passo Fundo Shopping, na cidade de mesmo nome, que será o maior shopping center do interior gaúcho. A unidade ocupará 100m² no primeiro andar do novo shopping. O diretor-superintendente da RAR, Sérgio Martins Barbosa, destaca que o interior da loja contará com painel interativo, que permite ao cliente assistir vídeos sobre os processos de produção dos produtos e informações sobre os itens à venda, além de receitas. O portfólio da Spaccio RAR será constituído por cerca de 450 itens, distribuídos em queijos e charcutaria, derivados de leite, massas, molhos e arrozes, temperos, conservas e condimentos, acetos e azeites, doces, compotas e biscoitos, bebidas alcoólicas e não alcoólicas, acessórios, presentes e embalagens especiais com kits, frutas secas, pães e cafés.

 

Econômicas

 

- Jaime Lorandi, presidente do Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho, participa em Maceió, na quinta (8), do IV Fórum Regional da Indústria do Plástico. O dirigente fará a apresentação do tema “A solução do plástico”. A palestra mostra os benefícios dos plásticos para o avanço na qualidade de vida da humanidade, além da importância da educação para a destinação correta dos materiais depois de consumidos.

 

- Fundação Proamb programou para esta quinta (8) a realização de curso para esclarecer a legislação e as normas que regulamentam o transporte de cargas perigosas. A abordagem incluirá desde a definição de produto perigoso, passando por suas classes de risco, além de normas brasileiras aplicáveis, EPIs e documentos obrigatórios, entre outros assuntos. A atividade, que terá lugar no Dall’Onder Grande Hotel, em Bento Gonçalves, será conduzida pelo químico Orion de Vargas Flores, mestre em avaliação de impactos ambientais. Segundo o especialista, as principais causas de acidente estão ligadas à falta de manutenção de veículos e de treinamento da equipe, além do mau acondicionamento da carga.

 

« Voltar