Legislativo quer saber mais sobre a dívida ativa

Política

11 de outubro de 2017 às 12:30 hr
Texto
-a
+a

O requerimento aprovado, por unanimidade, na sessão desta terça, é de autoria do vereador Flavio Cassina (PTB). Esta é a segunda vez que o parlamentar apresenta o mesmo pedido este ano. A intenção é atualizar as informações da dívida ativa do IPTU e ISS.

Segundo Cassina, em janeiro, recebeu do Executivo, uma lista com os 300 maiores devedores de pessoas físicas e o mesmo número de jurídicas. Além disso, quais medidas a gestão municipal teria para cobrar estes débitos. Como resposta, recebeu informações de que havia, na época, R$ 500 milhões em dívida ativa. Eram 33.545 pessoas físicas e 27.771 empresas.

A intenção agora é saber que medidas foram adotadas nestes nove meses. Ele justificou a iniciativa, defendendo o Refis. “Ninguém gosta de ficar. Isso todos sabemos e não precisa fazer nem um esforço de pensamento para que cheguemos à conclusão que a grande maioria é realmente em função de uma crise... Aqui, as seis edições anteriores foram evidentemente bem sucedidas e o Município não perdeu nada, porque são perdoados juros e a multa, mas existe a correção monetária”, explicou.

« Voltar