Ju não precisa secar; só vencer

Esportes

12 de março de 2018 às 12:30 hr
Texto
-a
+a

O Juventude depende apenas de uma vitória sobre o Veranópolis, domingo (11), no Estádio Alfredo Jaconi, para entrar no G8 do Campeonato Gaúcho sem depender de quaisquer outros resultados. Com 12 pontos, a equipe chega aos 15 em caso de vitória. No melhor cenário, o Ju sobe para a 6ª colocação, ultrapassando Grêmio, Avenida e São Luiz ou São José, que se enfrentam na rodada e têm 14 pontos. Em outros cenários, o Ju chega em 7º ou 8º.

São Luiz e Juventude têm o mesmo número de vitórias. três. Por isso, mesmo em caso de empate do alvirrubro com o Zequinha, uma vitória sobre o VEC leva o Verdão a ultrapassar o São Luiz no número de vitórias: 4 a 3. O adversário do Ju, porém, não vem à Caxias do Sul a passeio. Uma vitória do Veranópolis pode alçar o time à ponta da tabela, razão pela qual o embate de domingo deve ter intensa movimentação dos dois times.

 

Para garantir vantagem

 

O Caxias, por outro lado, já está classificado para as quartas de final, mas ainda não definiu a vaga no G4 e, se perder para o Cruzeiro, fora de casa, pode até terminar a rodada em 7º. Para se garantir entre os quatro primeiros, o time de Luiz Carlos Winck precisa de, pelo menos, mais um empate. Se vencer, a ponta da tabela também é uma opção. Já o Cruzeiro joga todas as fichas na luta contra o rebaixamento. Com vitória sobre o Grená do Povo, apenas uma hecatombe o faria ser rebaixado, uma vez que o Novo Hamburgo precisaria tirar um saldo de cinco gols.

E se o incentivo para não ser rebaixado é golear, o Novo Hamburgo precisa melhorar o pé. Atual campeão gaúcho, o time do Vale aparece apenas na 11ª posição, com sete gols anotados em 10 rodadas. Forte candidato ao rebaixamento, o time precisa vencer o Avenida fora de casa e torcer para que o Cruzeiro perca pontos diante do Caxias.

Outro confronto que pode definir o rebaixamento acontece no Estádio Aldo Dapuzzo, em Rio Grande, onde o São Paulo mede forças com o Brasil de Pelotas. Enquanto o Xavante aparece com 18 pontos e um empate já pode dar ao time do técnico Clemer a liderança da competição, o São Paulo se livra da zona morta com uma improvável compatibilidade de resultados: além de vencer o Xavante por 4 a 0, precisa que Cruzeiro e Novo Hamburgo saiam de campo derrotados.

 

Clássico decisivo

 

A rodada ainda tem o clássico Grenal 413, no Estádio Beira-Rio. A partida pode dar ao Internacional a liderança da competição em caso de vitória. Se empatar, a conquista da liderança depende de resultados paralelos. Para o Grêmio, a situação é mais delicada. Se perder o clássico e o Juventude ganhar do Veranópolis, a equipe do técnico Renato Portaluppi pode acabar fora da fase de classificação, em 9º. Se vencer, o Tricolor pode chegar ao G4.

Todos os jogos da última rodada da primeira fase do Gauchão começam às 17h.

 

 

Posições

Clubes

Pontos

Jogos

Vitórias

Gols Pró

Saldo

Internacional

18

10

5

15

11

Brasil de Pelotas

18

10

5

11

5

Caxias

17

10

4

15

6

Veranópolis

16

10

4

9

4

São José

14

10

4

11

-4

São Luiz

14

10

3

11

3

Avenida

14

10

3

10

-1

Grêmio

13

10

4

15

0

Juventude

12

10

3

14

-3

10º

Cruzeiro

9

10

2

7

-5

11º

Novo Hamburgo

9

10

2

7

-9

12º

São Paulo

6

10

1

3

-7

 

Última rodada

Internacional x Grêmio, Estádio Beira-Rio

São Luiz x São José, Estádio 19 de Outubro

Cruzeiro x Caxias, Estádio Antônio Vieira Ramos

Juventude x Veranópolis, Estádio Alfredo Jaconi

São Paulo x Brasil de Pelotas, Estádio Aldo Dapuzzo

Avenida x Novo Hamburgo, Estádio dos Eucaliptos

 

« Voltar