Constantino Orsolin anuncia secretariado do novo governo

Política

06 de dezembro de 2016 às 16:17 hr
Texto
-a
+a

Após longo período de especulações desde a vitória nas eleições municipais, o novo secretariado do governo do prefeito eleito Constantino Orsolin (PMDB) foi apresentado à imprensa na manhã de ontem (05), em coletiva realizada na Pousada Blumenberg. Sete secretários, a secretaria adjunta de assistência social e o procurador geral do município tiveram seus nomes apresentados por Orsolin. 

Como já era cogitado nos bastidores, o PDT terá participação no novo governo com a escolha de Gilberto Tegner “Tolão” para a Secretaria de Educação. Outro secretário de um partido aliado é Paulo Nestor Tomasini (PSDB), que comandará as pastas de Meio Ambiente, Trânsito e Urbanismo. 

Os demais postos serão ocupados pelos seguintes nomes: Secretário de Governo, Administração e Assistência Social – Vilmar Santos; Secretário de Saúde – Jean Spall; Secretário da Fazenda – Luciano Melo; Secretário de Turismo, Cultura, Esportes e Desenvolvimento Econômico – Ângelo Sanches; Secretário de Obras – Luiz Cláudio da Silva “Ratinho”; Secretária Adjunta de Assistência Social - Andressa da Conceição “Mana”; e o Procurador Geral do Município – Luiz Fernando Tomazelli.

Em seu discurso, Constantino Orsolin ressaltou a busca pelo cumprimento do projeto proposto em conjunto com a comunidade canelense, prometendo muito trabalho para os próximos quatro anos. A diversidade de partidos no governo foi outro ponto destacado por ele, declarando a importância do PSDB, PTB, PPS e por último do PDT na composição da equipe de governo.

Três critérios foram pontuados por Orsolin na escolha dos secretários. Primeiro, a capacidade de trabalho. Segundo, a capacidade técnica. E terceiro, a fidelidade ao projeto estabelecido pelo povo. De acordo com o prefeito eleito, a responsabilidade sobre a escolha dos nomes é totalmente dele. “A responsabilidade da escolha dos sete secretários, da secretaria adjunta da assistência social e do procurador do município é totalmente minha. Tenho essa responsabilidade porque são as pessoas que vou me dirigir diariamente”, destaca.

CORTE DE CARGOS COMISSIONADOS E FUNÇÕES GRATIFICADAS

Constantino Orsolin anunciou também que deve cortar cerca de 50 CC’s (cargos comissionados) e FG’s (funções gratificadas). Inicialmente, em 1º janeiro serão nomeadas somente as pessoas já apresentadas e os cargos que no dia seguinte (02) deverão estar trabalhando. Como o próprio prefeito relata, serão cerca de 20 neste primeiro momento.  Entre estes estão: coordenadores de postos de saúde, o responsável pelo transporte da saúde, administrador do Parque do Caracol, etc. O prefeito eleito afirmou também que contingenciará 10% do orçamento do município por questões de prudência.

PRIMEIROS ATOS DO NOVO GOVERNO

A posse oficial do novo governo na prefeitura de Canela está prevista para o dia 1º de janeiro, às 10h. A confirmação da data deve ocorrer nos próximos dias pela Câmara de Vereadores, atendendo a Lei Orgânica do município de Canela. Outro ato revelado em primeira mão por Orsolin é a realização do Festival Estadual de Teatro em Canela no ano que vem. Segundo ele, a retomada do evento é certa, no entanto, a data ainda não é confirmada.

EMÍLIA FULCHER NA CÂMARA DE VEREADORES

Com a nomeação do vereador eleito Luciano Melo (PMDB) para assumir a Secretaria da Fazenda, Emília Fulcher (PMDB), primeira suplente da coligação com 535 votos assumirá uma cadeira na Câmara de Vereadores. Emília é a segunda vereadora mulher no Legislativo canelense, a primeira é a atual vice-prefeita Carmen Seibt (PP), eleita com 804 votos.

CONFIRA NA EDIÇÃO IMPRESSA E ONLINE O PERFIL DOS SECRETÁRIOS.

 

 

« Voltar