Leia Fácil

Fernando Santos

APARTE

22 de abril de 2019 às 08:40

Desconforto no Executivo

 

Uma declaração do secretário de Planejamento, Fernando Mondadori, nesta quinta-feira (18), na convocatória da Câmara de Vereadores, criou mal-estar em plenário com o líder de governo, vereador Elisandro Fiuza. Tudo começou com ponderação do vereador Eloi Frizzo/PSB. “Quero deixar muito claro que diferentemente do que V. Sa. afirmou na imprensa, e mesmo com a intervenção do líder de governo, vereador Fiuza, aguardamos por mais de 30 dias a possibilidade de uma reunião com sua equipe técnica no sentido de a gente tentar consensuar alguns dos problemas que estávamos vendo na discussão do Plano Diretor”, provocou. Em resposta, Mondadori deixou mais do que claro, que a missão aceita por Fiuza, na CDUTH, não havia sido cumprida: “Eu desconheço, vereador”. A afirmação do secretário deixou Fiuza com cara de tacho perante o plenário. Segundo Frizzo, ele teria dito que Mondadori não poderia atender ao chamado da comissão. Parece que o fato causou tanto constrangimento, que na hora de se pronunciar, depois da fala do secretário, Fiuza se limitou a falar sobre o tema regularização fundiária ligado ao Plano Diretor, porém, elogiou o ex-colega de primeiro escalão do Executivo. “Dizer que V. Exa., juntamente com toda a Seplan, estão de parabéns por não se escusar de vir a público, trazer este plano em discussão, que é um plano que sabemos envolve toda a cidade”, destacou.

 

PRESENÇAS DESNECESSÁRIAS

 

O cumprimento da convocatória de Fernando Mondadori foi acompanhada, nas galerias, por oito colegas secretários. Passaram a manhã, na Câmara de Vereadores, Camila Sirena, da Agricultura; Magda Worman, da Fazenda; Mirângela Rossi, de Urbanismo; Paulo Gedoz de Carvalho, de Esporte e Lazer; Emílio Andreazza, de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Emprego; Cristiano Soares, de Trânsito, Transporte e Mobilidade; e Ederson de Albuquerque Cunha, de Segurança Pública e Proteção Social. O secretário de Habitação, Renato Nunes, chegou quase no final do expediente [da Prefeitura], a menos de meia hora do final da convocatória. A presença do grupo de secretários nas galerias serviu apenas para serem nominados, informalmente, pelo presidente da Casa, Flavio Cassina/PTB, e para o agradecimento de Fernando Mondadori. Resumo da ópera: poderiam ter sido muito mais úteis ao poder público se tivessem cumprido expediente nos respectivos gabinetes, principalmente, porque era véspera de feriadão no Executivo.

 

DEMANDAS DE CAXIAS

 

O deputado estadual Neri, o Carteiro/SD manteve agenda em secretarias estaduais, na véspera desta Sexta-feira Santa. Na pasta do Meio Ambiente e Infraestrutura, a pedido do secretário de Obras e Serviços Públicos de Caxias, Leandro Pavan, conversou com o secretário Artur Lemos Junior sobre licenciamento ambiental no Município. Também se reuniu com deputado João Derly/Rede, secretário de Esporte e Lazer, onde tratou de projetos e editais que serão realizados esse ano. Derly anunciou a realização do Fórum Estadual do Esporte, no dia 30 de abril. "Estamos empenhados em encaminhar as demandas em Caxias e queremos ser o elo que une os municípios e o governo do Estado, reafirmando o compromisso em incentivar a apoiar as políticas públicas voltadas a melhorar a vida das pessoas", afirmou Neri, que durante a tarde desta quinta-feira (18), manteve agenda na terra natal.

 

PARLAMENTO REGIONAL

 

O fórum de debate dos presidentes das 21 Câmaras de Vereadores da Serra Gaúcha, o Parlamento Regional, marcou reunião no Legislativo de Caxias do Sul, na terça-feira (23), às 14h, na Sala das Comissões Vereadora Geni Peteffi. A reunião será coordenada pelo presidente do Legislativo local, vereador Flavio Cassina/PTB. A intenção é eleger um representante para o Parlamento Regional, além de debater e encontrar formas de promover melhores condições na área da saúde para a região.